Boxe está de luto: morreu o lençoense Miguel de Oliveira, segundo brasileiro campeão mundial da modalidade

Escrito por em 15/10/2021

O boxe brasileiro está de luto. Nesta sexta-feira, em São Paulo, o ex-pugilista Miguel de Oliveira, segundo brasileiro a ser campeão mundial da modalidade, morreu, aos 74 anos, vítima de um câncer no pâncreas. A lenda do esporte nacional descobriu a doença há cerca de três meses. Nascido em Lençóis Paulista, Miguel de Oliveira foi campeão brasileiro em 1970.

Cinco anos depois, desbancou o espanhol José Duran e, inspirado pelo brasileiro Éder Jofre, primeiro brasileiro a se sagrar campeão mundial, conquistou cinturão do peso médio-ligeiro do Conselho Mundial de Boxe.  Segundo o Boxrec (registro dos cartéis dos boxeadores), Miguel teve 45 vitórias (28 por nocaute), cinco derrotas e um empate em sua carreira. O pugilista encerrou a carreira aos 28 anos e virou treinador após se graduar em Educação Física. Na década de 80, estrelou outra lenda do boxe brasileiro, Maguila Rodrigues.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]