Multas por aglomerações passaram de 42 no ano passado para 127 este ano; somente nos primeiros 10 dias de junho foram 35; valores variam de R$ 3 mil a R$ 30 mil

Escrito por em 11/06/2021

As autuações da Prefeitura Municipal de Lençóis Paulista ao desrespeito a decretos do Estado e Municipal saltaram de 42 no passado para 127 nos primeiros cinco meses e dez dias deste ano. A informação foi obtida a pedido do 90.1 Notícias e mostra que a fiscalização aumenta por conta do número de casos de infectados pela Covid-19 na cidade. Foram autuados lojas, pastelarias, pizzarias, supermercados, bancos, lotéricas, com multas que variam de R$ 3 mil (menor valor) a R$ 30 mil, no caso de supermercados e instituições financeiras (bancos e lotéricas). E o valor é dobrado em caso de reincidência. Para o leitor ter ideia somente nos dez primeiros dias do mês de junho foram 35 autuações, quase o número total de multas registradas em 2020, primeiro ano da pandemia. Mas há uma explicação, revela fonte consultada pela reportagem. No ano passado, lojistas, supermercadistas, comerciantes em geral e instituições financeiras foram orientados a seguir as regras dos decretos, como distanciamento social, uso de máscaras.

Neste momento não há mais o que orientar, porque todos sabem de cor como devem agir. Desde o início do mês, a Prefeitura Municipal não fornece mais alvarás para música ao vivo e o horário de funcionamento é restrito. Além de fiscalizar estabelecimentos comerciais, segundo os setores de Vigilância Sanitária e Tributária, os servidos estão contando com o apoio da Polícia Militar para fiscalizar aglomerações próximo a alojamentos de trabalhadores. Desde o início deste ano toda fiscalização está sendo filmada. Além disso, servidores e policiais militares usam em locais de aglomerações, como no Teatro Municipal Adélia Lorenzetti, megafone para orientar os jovens sobre a proibição de aglomerações e uso de máscaras. Nos arquivos do setor de fiscalização há imagens tanto da dispersão dos jovens, quanto de trabalhadores que faziam churrasco e com chegada da polícia saem correndo carregando as cadeiras que estavam.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]